Dor lombar e Pilates

O Domingo Espetacular, uma das maiores revistas eletrônicas de entretenimento e informação da televisão brasileira, abordou como tema da reportagem de abertura a dor lombar, ou lombalgia. O problema só aumenta no País e no mundo e é o maior motivo de afastamento no trabalho atualmente.

Edmond Barras, médico especialista em cirurgia de coluna, diz que a lombalgia deve ser considerada um problema de saúde pública, já que é a doença ocupacional que mais gera custos.

Muito tempo sentado ou em pé, um movimento de mal jeito e até fatores emocionais, como strees e ansiedade, podem desencadear as dores, que, de tão intensas, acabam por afetar o humor e a rotina e, em muitos casos, geram inatividade e aposentadorias precoces.

Estima-se que o problema já atinja cerca de 540 milhões de pessoas no mundo. E, para piorar, de acordo com pesquisa recente, 1 em cada 3 delas não está recebendo tratamento adequado.

A boa notícia é que, em 90% dos casos, movimentar o corpo de forma regular, reforçando as musculaturas, resolve o problema ou melhora muito os sintomas.

Nossa parceira da TC Pilates, a Educadora Física e Instrutora de Pilates Gerusa Gurak, foi uma das entrevistadas para a reportagem. Segundo ela, a atividade física atenua muito os sintomas, caminhando, principalmente, para espaçar as crises de dor. Almir Frederico, um de seus clientes, teve melhoras significativas após iniciar o tratamento com Pilates. “Hoje, Almir consegue andar de skate e até pedalar”, conta Gerusa. Almir diz que com Pilates aprendeu a conhecer melhor o copo e que agora tem uma vida muito mais normal e feliz.

Isso porque, entre muitas outras coisas, o Pilates aumenta a mobilidade da coluna torácica, a flexibilidade muscular da cadeia posterior e melhorar a estabilidade abdominopélvica, essenciais à saúde lombar.

Assista a reportagem completa AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *